Cão não olhava para ninguém depois que seu dono morreu, mas uma pessoa muda sua vida.

- março 01, 2018
Facebook – Detroit Dog Rescue

Rio, um cão com mistura de Golden Retriever, encontrou sua vida virada de cabeça para baixo quando foi morar para um abrigo, longe de tudo o que já conhecia. O dono de Rio faleceu e o cachorrinho foi levado para o Detroit Dog Rescue. No entanto, depois de chegar, a equipe do abrigo poderia dizer que algo não estava certo. O pobre cão não comia, não queria ser tocado e, simplesmente, ficava olhando para a parede.

 Facebook – Detroit Dog Rescue

Tendo vivido dez anos com seu dono, Rio ficou confuso com o que estava acontecendo. Ele estava em um local assustador e desconhecido… Rio estava, claramente, de luto e parecia querer desistir! Então, a equipe do abrigo sabia que tinha que agir rapidamente.

“Nós assumimos os casos de saúde mental como os mais duros do abrigo.”, disse Kristina Millman-Rinaldi, diretora do Detroit Dog Rescue. “Muitas pessoas não percebem que eles são criaturas sensíveis. Eles sentem, como os seres humanos, tudo o que está acontecendo ao seu redor.”








O pobre animal não respondia pelo nome e não desviaria o olhar do canto das paredes do abrigo. Kristina sabia que a única maneira de ajudar o Rio era o colocar em uma casa segura e amorosa. A equipe esperava que ao colocar o Rio em uma casa adotiva, trouxesse alguma normalidade ao cão deprimido.


   Facebook – Detroit Dog Rescue

Foi então que Kristina falou com um voluntário, chamado Ryan Callahan e sua esposa Tashia. Eles ouviram a história de Rio e, sem hesitar, decidiram acolher o animal temporariamente. Apesar de já terem três cães, os Callahans queriam ajudar.

“Foi apenas o cão certo, lugar certo, na hora certa.”, disse Ryan . “Ele precisava de nós e nós fomos capazes de fornecer o apoio que ele precisava.” No momento em que Rio entrou na casa de Callahan, ele imediatamente começou a mostrar sinais de melhoria.


   Facebook – Detroit Dog Rescue

Era como se o cão pudesse sentir que o casal estava lá para o ajudar. Para se certificar de que o cachorro de dez anos de idade estava confortável, eles fizeram um quarto para ele no escritório de Ryan. Durante a primeira semana, Ryan, que trabalha em casa, conseguiu integrar Rio no ambiente acolhedor. Não demorou muito para que o cãozinho descansasse a seus pés com um olhar de gratidão.

 
    Facebook – Detroit Dog Rescue


“Minha esperança é que ele não tenha passar mais um dia se perguntando sobre onde ele está ou o que está acontecendo ao seu redor.”, disse Ryan. “Que sua nova vida seja ainda melhor do que a sua última.” Entretanto, Detroit Dog Rescue, juntamente com a família Callahan, está fazendo os possíveis para recuperar o estado de saúde do cãozinho.


Facebook – Detroit Dog Rescue




Esperemos que ele encontre uma casa definitiva e amorosa em breve… Com muita dedicação, amor e carinho ele voltará a ser o cão que era.

Fonte: Portal Mundo Animal / Animal Clinic / Neo

Advertisement