São os trigêmeos mais raros do mundo – Veja como parecem hoje após uma cirurgia histórica

- março 10, 2018

Amy e Mike Howard já havia recebido o choque de suas vidas quando lhes disseram que estavam esperando trigêmeos. O casal recebeu os trigêmeos naturalmente, sem sofrer nenhum tratamento de fertilidade, o que é bastante incomum.

Mas quando seus três filhos, Hunter, Jackson e Kayden finalmente chegaram ao mundo, se tornaram irmãos bastante peculiares.

Na verdade, sua aparência fez deles 1 em 500 milhões!



Os três pequenos chegaram ao mundo com o mesmo defeito raro de nascimento.

Os médicos perceberam que Hunter e Jackson, que são gêmeos idênticos, tinham crânios que se projetaram mais do que o normal na parte da frente de suas cabeças, criando o efeito de frentes pontiagudas que deram a cabeça uma forma triangular.


Isso é conhecido como Craniossinostose. É uma condição incomum que faz com que os ossos do crânio de um bebê se fundam muito cedo. A Craniossinostose só ocorre em 1 de cada 2.500 nascimentos, então o fato de que estes três trigêmeos tenham essa condição é extremamente raro.

"Nós estimamos que a probabilidade é de talvez de 1 em 500 trilhões ver um grupo de trigêmeos como esses", disse o Dr. David Chester, neurocirurgião, para Inside Edition.


Dr. Chester explica que a condição tem sérias consequências se não for tratada.

"O crânio é feito de placas, não é um único osso. Se as costuras se juntarem muito cedo, o cérebro pode estar sob pressão”, explica.

Ele acrescenta: "Não ameaça a sua vida agora, mas pode ter consequências no futuro se não for tratada".


Quando os trigêmeos tinham apenas 11 semanas de idade, foram submetidos à cirurgia de correção. Mike e Amy esperaram com angústia durante os dois dias que durou a operação dos três meninos.

"Eu estava com muito medo", diz Mike. "Toda vez que você tem que levar um bebê para a cirurgia, é um pouco louco".

Recuperação
Durante três cirurgias separadas, os cirurgiões cortaram uma tira de osso para remover a costura fundida no crânio de cada bebê. Mais uma vez, os irmãos fizeram história, já que foi a primeira vez que trigêmeos foram submetidos a essa operação.


Felizmente, esses trigêmeos são lutadores e estavam em casa apenas dois dias após as operações. Os trigêmeos foram equipados com capacetes ortopédicos, feitos sob medida para ajudar a dar seus crânios a forma normal.

"Demorou um pouco de tempo para ajustá-los, mas não tenho problemas para removê-los ou colocá-los novamente", explica Amy.


Estamos muito felizes de saber que essas cirurgias foram bem e que esses adoráveis trigêmeos estão se recuperando bem.

Você acredita que esses trigêmeos são um caso entre 500 trilhões? Incrível!

Ajude-nos a compartilhar esta história com amigos e familiares no Facebook para desejar aos meninos a melhor sorte no futuro!

Fonte: newsner
Advertisement