Adolescente desaparece sem deixar vestígios – dois anos depois a polícia mostra à família um vídeo chocante

- abril 24, 2018




Em maio de 2016, Michael Carroll deixou seu filho de 15 anos, Aubrey, em seu colégio na Geórgia. Era um dia comum e tudo parecia normal.

Mas quando a madrasta de Aubrey foi buscá-lo à tarde, ele não estava lá. Aubrey desaparecera sem deixar vestígios.

Michael tentou entrar em contato com seus amigos na esperança de que alguém o tivesse visto. Mas o tempo passou e a família nunca obteve respostas.

Então, dois anos após o desaparecimento da adolescente, os investigadores fizeram um grande avanço. Novas informações mostravam que o garoto havia deixado o colégio com um amigo no dia em que ele desapareceu. Na manhã seguinte, teria aparecido na casa de outro amigo, mas não teria permissão para ficar lá.

A família disse a Dateline que a mãe de seu amigo disse que pediu Aubrey para sair e voltar para casa quando soube que seus pais estavam procurando por ele. O jovem então teria pedido aos amigos uma carona até a parada de caminhões Flying J mais próxima. Investigadores dizem que ele entrou em contato com amigos em Gary, Georgia em 26 de maio, mas ninguém tinha visto ou ouvido falar dele desde então.

“Inicialmente acreditamos que ele tinha fugido”, disse o xerife Darrell Dix, segundo a NBC News. “Mas então não temos ideia do que aconteceu.”

O FBI colocou o jovem de 15 anos na lista de pessoas desaparecidas, alertando que poderia ter sido sequestrado e estar em perigo.

Então, em abril, a família recebeu boas notícias: Aubrey tinha sido encontrado em segurança e bem.
– [Nós] divulgamos fotos de Aubrey e compartilhamos em uma página no Facebook que ele poderia estar sob uma identidade falsa”, informou o xerife em um comunicado de imprensa.

A polícia disse à família de Aubrey que estava viajando de estado para estado pela costa oeste. Em seguida, eles mostraram um vídeo no Facebook com o jovem desaparecido.

“Ele nos disse que saiu por conta própria e que não havia sido seqüestrado, machucado, abusado, explorado ou prejudicado de qualquer forma”, disse o xerife Dix no comunicado, segundo a NBC News. “Ficamos um bom tempo sentados com ele e ouvimos sua história. Seu conto foi absolutamente incrível. Ele viu e fez coisas que fizeram meu queixo cair. ”

No vídeo, Aubrey tinha uma mensagem para todos os membros da família que estavam orando por seu retorno.

“Eu gostaria de dizer a todos vocês – muito obrigado por todas as suas orações e por cuidarem da minha mãe. Fico muito agradecido”, disse Aubrey no vídeo. “Estou bem. Estou bem”.

A polícia está obviamente aliviada por finalmente fechar o caso do menino desaparecido. “A única coisa que importa é que ele está bem e em segurança”, concluiu a polícia.

É impossível imaginar a preocupação e dor que a família de Aubrey suportou durante esses dois anos. Deve ter sido um pesadelo. Felizmente, ele foi encontrado bem e isso é tudo que importa.

Compartilhe esta incrível história com seus amigos!

Fonte: Newsner
Advertisement