A história de incesto dos faraós Amenófis III, Aquenáton e Ramsés II.

- setembro 06, 2018


O incesto não era uma prática comum entre faraós no Antigo Egito. No entanto, o mesmo não pode ser dito sobre os casamentos entre irmãos, especialmente entre os monarcas, que eram obcecados com a ideia da preservação da “pureza” do sangue real.

Embora fosse incomum, a prática de incesto foi reportada na história envolvendo os faraós Amenófis III, Aquenáton e Ramsés II. Confira abaixo alguns detalhes sobre o fato:

Amenófis III

Segundo historiadores, o incesto entre o faraó Amenófis III, um dos faraós da XVIII Dinastia, e sua filha causou espanto entre o povo egípcio, que estavam acostumados a ver seus reis se casarem apenas com suas meias-irmãs.

Amenófis III tinha também sua Grande Esposa Real, que era a Rainha Tiy, possivelmente sua prima. A Grande Filha Real, que foi a primeira mulher descendente do casal, foi chamada de Sitamón. Ela tinha cerca de 20 anos quando se casou com o próprio pai. Egiptólogos acreditam que após este primeiro casamento incestuoso, o Faraó se casou com outras filhas, embora estas não tenham recebido título de Grande Esposa Real.

Aquenáton

Akhenaton foi o Faraó durante a XVIII dinastia do Egito, e responsável pelo episódio religioso/ político conhecido como “Heresia de Amarna“. Sua “Grande Esposa Real” foi a rainha Nefertiti com quem teve seis filhas.

Também obcecado em preservar o sangue real, ele acreditava que a melhor solução para isso era procriando com suas próprias filhas. Primeiro, se casou com Meritaton, com quem teve uma filha, então com Meketaton, que aparentemente morreu aos doze anos, enquanto dava à luz um filho. Por fim, se casou com Anchesenamon, com quem também teve uma filha. Após a morte do pai, esta se tornou esposa de seu meio irmão, Tutancâmon.

Ramsés II

Ramsés II foi o terceiro faraó da XIX dinastia egípcia. Ramsés tinha cinco Grandes Esposas Reais, várias esposas e dezenas de concubinas. Destes relacionamentos nasceram inúmeras crianças, as quais precisou fazer uma lista com seus nomes e mandou construir um túmulo para cada uma delas no Vale dos Reis.

Entre suas mais importantes Grandes Esposas Reais estavam Nefertari e Isis-Nefert. Após a morte de ambas, decidiu substitui-las através das filhas que teve com cada uma delas. Assim, se casou com Meritaton, filha de Nefertari e Bintanath, filha de Isis-Neferet.

Fonte: http://www.jornalciencia.com/a-historia-de-incesto-dos-faraos-amenofis-iii-aquenaton-e-ramses-ii/

Advertisement