Beber cerveja é mais eficaz contra rugas do que cremes: Saiba porque!

- outubro 12, 2018



Você já ouviu falar sobre os radicais livres ? Eles são as moléculas responsáveis ​​pelo envelhecimento,deteriorização,em alguns casos, adoecimento do corpo.

Felizmente há uma recomendação deliciosa e muito popular aprovada pelos cientistas para combatê-los: a cerveja.

De acordo com a Dra. Pilar Franch Codoñer Departamento de Pediatria, Obstetrícia e Ginecologia da Universidade de Valência, os antioxidantes da cerveja ajudam a combater os radicais livres e manter seus consumidores com poucas rugas e vitalidade.



Esta bebida contém mais de 200 componentes, incluindo vitamina B, ácido fólico (B1, B2, B12) e polifenóis (um grupo de antioxidantes naturais que também são encontrados em frutas e legumes).

Mas o que são radicais livres e onde eles estão?
Eles estão em nosso próprio corpo (sim, não há como evitá-los). Química básica nos ensina que milhões de células diferentes residem em nosso organismo, que por sua vez são compostos de moléculas. Estas moléculas consistem em átomos que são mantidos juntos graças às ligações químicas obtidas por prótons (carga positiva) e elétrons (carga negativa).

Mas alguns dos elos produzidos não atingem a força e a quebra desejadas, fazendo com que os elétrons circulem de maneira incompleta. A partir daí, eles se tornam radicais livres.

Em sua “ânsia” de encontrar um complemento que os estabilize, os radicais livres podem roubar prótons de outras moléculas, matando outros átomos consolidados em seu caminho e produzindo mais radicais livres.

As grandes cadeias de radicais livres atacam células vivas e funcionais, afetando sua atividade e reverberando em nosso corpo de várias maneiras, incluindo nossa própria “oxidação”: formação de rugas, fraqueza nos ossos, falta de hidratação na pele, etc. .

Embora isso ocorra naturalmente, algumas causas externas, como a exposição excessiva à luz solar ou ao tabaco, estimulam o aparecimento de radicais livres.

Como a cerveja pode ajudar a combater os radicais livres?

Dra. Codoñer Franch argumenta que os antioxidantes da cevada cozida, que contém a cerveja e as características sensoriais desta bebida (aroma, textura, cor), ajudam a interagir com proteínas e açúcares responsáveis pelo aparecimento de compostos que induzem a formação de radicais livres.



Naturalmente, há um equilíbrio dinâmico entre oxidantes e antioxidantes. Com o envelhecimento, esse equilíbrio desaparece e os oxidantes são favorecidos, de modo que o consumo de alimentos ricos em antioxidantes se torna muito importante à medida que o declínio natural da idade adulta começa.

Vale ressaltar que a quantidade de antioxidantes presentes varia dependendo do tipo de cerveja e seu processo de fabricação, embora você invariavelmente vai encontrá-los nesta bebida, cabe a todos encontrar o que eles consideram uma opção melhor para deixar os radicais livres.
Fonte:Saber Viver Mais
Advertisement