Campanha “Adote um Avô” está unindo jovens e idosos que vivem em asilos, emocionante.

- fevereiro 05, 2019


A velhice é uma época única da vida. Temos muita experiência acumulada, uma vida toda de erros e acertos, e podemos aproveitar esse momento para curtir tudo o que construímos e aproveitarmos o tempo com as pessoas que amamos.

Muitos senhores e senhoras têm uma velhice feliz, ao lado de seus familiares. Outros idosos, no entanto, não têm a mesma sorte.

Muitos são abandonados ou esquecidos pela família, e passam o final de suas vidas sozinhos, em asilos. Essa é uma realidade muito triste! Felizmente existem iniciativas que buscam amenizar a solidão dessas pessoas através de diferentes estratégias de integração.

A Adopta um Abuelo (Adote um Avô, em português) é uma ONG espanhola que tem um objetivo muito especial, aproximar idosos que vivem em asilos de jovens, promovendo a interação entre gerações e permitindo que compartilhem experiências, façam amizade, e aprendam um com o outro, diminuindo a solidão dos idosos e incentivando os mais jovens a valorizar as pessoas mais velhas.

O Adopta um Abuelo surgiu no Natal de 2013, quando Alberto Cabanes, fundador do projeto, foi visitar seu avô em um lar de idosos e conheceu Bernardo, um senhor que vivia abandonado por lá e sonhava em ter netos, para que pudesse receber visitas nas festas de final de ano. Alberto se emocionou com o desejo do senhor e disse: “Eu te adoto, Bernardo.”
Para Alberto, a proximidade que sempre teve com seus avós foi fundamental para formar o seu caráter, e ele queria que mais jovens tivessem essa oportunidade e que menos idosos se sentissem abandonados:

“Tive a sorte de ser criado pelos meus avós e de aprender com eles valores impagáveis. Ninguém merece estar só. E nos lares há muita solidão”, disse Cabanes em uma entrevista ao jornal El Mundo.


O projeto atualmente tem mais mais de 200 voluntários, que juntos adotaram cerca de 100 idosos. A presença dos netos postiços é muito positiva para os avós, ajudando a diminuir seus índices de ansiedade e depressão e melhorando a autoestima.

É uma ideia genial, que traz benefícios tanto para quem ajuda quanto para quem é ajudado. Que essa ideia se espalhe por mais lugares!

Se você sempre quis fazer algo parecido, o Adopta um Abuelo pode ser uma grande inspiração! Se quiser saber mais sobre o projeto de Alberto, acesse o site da campanha.

Compartilhe com os amigos!
Por Luiza Fletcher
Advertisement