Mulheres colombianas criam bolsas feitas a base de batatas que substituem o plástico

- julho 11, 2019

Projeto com potencial


Um grupo de estudantes de engenharia industrial foi contratado para desenvolver um saco feito a base de batata crioula biodegradável para substituir o plástico.
Jessica Lorena Mora Sandra Gonzalez e Carolina Calderon, são duas alunas de sétimo semestre de Engenharia Industrial, que conseguiram gerar uma solução para o impacto ambiental com a criação de um saco biodegradável feito de batata, que também será capaz de substituir o plástico.
O projeto está focado na criação de um filme de amido com as características da batata crioula capaz de se degradar. Esta pesquisa já rendeu os primeiros resultados e, claro, despertou a curiosidade da comunidade acadêmica internacional.
Este produto tem a capacidade de proteger os alimentos que, devido seus componentes, devem ser mantidos frescos e, assim, evitar a oxidação.
Nota-se que este projeto tem o potencial de gerar um impacto positivo sobre o meio ambiente e a economia, especialmente no setor agrícola. Você poderá encontrar a substituição do plástico em diferentes alimentos no supermercado e também poderá ajudar os agricultores a encontrar novas fontes de renda para sua atividade. No caso da batata, é um alimento produzido em quantidades muito grandes, mas seu mercado está limitado à região e o seu preço é muito baixo.
Por enquanto o projeto só começou no município de Soracá, perto de Tunja, Colômbia, onde normalmente a batata é cultivada e processado a fim de alcançar o resultado final. Além disso, a Associação Colombiana de Faculdades de Engenharia, escolheu este projeto para ser apresentado na primeira Exposição Nacional de Engenharia Projetos de Graduação, a ser realizada em 22 e 23 de Agosto, neste ano de 2019.
Fonte: i24mujer

Advertisement