Proprietário suspende aluguel de moradores com emprego ameaçado pela pandemia.

- 2:40 PM





Seu nome é Nathan Nichols, ele mora em South Portland, no Maine (EUA) e decidiu ajudar os moradores dos imóveis que aluga.

Nathan é proprietário de imóveis e anunciou recentemente em seu Facebook que seus dois inquilinos são trabalhadores horistas (pessoas que recebem o salário mensalmente, porém determinado pelo valor-hora), portanto, que podem ficar sem trabalho nos próximos meses.



“Como tenho o dinheiro, a sorte e o privilégio de pertencer à classe dos proprietários, apenas lhes digo que não receberei aluguel em abril”, escreveu Nichols. “Também peço a qualquer outro proprietário por aí que dê uma estudada em sua própria situação e considere dar a seus inquilinos algum desconto de aluguel também.”, complementou.

O post de Nathan tem mais de 24.000 compartilhamentos e centenas de comentários elogiando sua decisão. Em uma atualização publicada no Facebook, ele revelou estar feliz pois havia inspirado pelo menos um outro proprietário a fazer o mesmo.







Com toda a repercussão, algumas questões vieram à tona para Nathan, então ele resolveu filtrar alguns comentários e se posicionar sobre a situação. “De vez em quando, recebo comentários de proprietários que gostariam de ajudar seus inquilinos, mas simplesmente não podem, por questões financeiras, ou até mesmo de inquilinos que desejam que seu proprietário os ajudem, mas duvidam que sim. Pessoas, digo: não conheço a situação de vocês e em momento algum quis sugerir que um proprietário que não renuncia o aluguel seja de alguma forma uma pessoa má.”

Com o surto do coronavírus a empatia é uma questão indispensável, o melhor a se fazer é seguir o exemplo de Nathan e ajudar o próximo mesmo que seja apenas ficando em casa, para evitar o contágio. Para aqueles que ainda precisam sair, torcemos para que a situação mude e pedimos com muito carinho para que tenham cuidado e lavem sempre muito bem as mãos. Estamos juntos nessa!

Com informações de Sunny Skyz e Razões para Acreditar, Via:Conti outra
Advertisement