Vovó costura 50 máscaras por dia para ajudar os hospitais.

- 11:18 PM




Uma avó querendo fazer a mudança
Até hoje, a Espanha é um dos países mais afetados pelo COVID-19. Desde 14 de março, todo o território está confinado ao isolamento da população. Pedro Sanchez anunciou que espera que isso seja prorrogado por mais 15 dias em alarme.

Durante esses dias em confinamento, as pessoas têm usado seu tempo para se distrair, aprender algo novo e algumas procuram ajudar seu país a lidar com esse momento amargo.

É o caso de Margarita, uma avó que decidiu usar seu tempo ajudando sua cidade. Ela costura quase 50 máscaras diariamente para hospitais, que sofrem com a falta desses produtos.



A notícia de que ela não podia mais sair de casa assustou Margarita. Sua filha disse que ela não podiam mais sair devido ao coronavírus.







Ina é uma de suas filhas, juntamente com seus 7 irmãos, que Margarita Gil Baro teve ao longo de sua vida, ela tem 84 anos. Ela nasceu em Jerez de la Frontera (Cádiz), Espanha.

Todos os dias ela descobre as notícias e sabe sobre o trabalho que seu sistema de saúde está fazendo no momento, sabe que faz parte do grupo de risco. Margarita decidiu começar a trabalhar. Ela soube imediatamente que as máscaras são o produto que os médicos mais precisam, então decidiu ajudar da melhor maneira possível.

Desde que a quarentena de sexta-feira foi decretada em seu país, ela costura diariamente por 8 ou 9 horas, fazendo um pouco mais de 50 máscaras por dia com sua máquina de costura. Margarita faz o possível e esse gesto já ajudou vários médicos e pacientes a ter um pouco mais de esperança em sua cidade.

Durante esses tempos difíceis é quando mais atos como esse são necessários. Compartilhe o excelente trabalho de Margarita com seus amigos. Juntos, emergiremos da pandemia.


  Via:Manualidade Fáceis
Advertisement