Cena de médico abraçando idoso com Covid-19 que sentia falta da esposa se espalha pelo mundo.

- 5:24 PM


 

Uma foto registrou um comovente momento entre médico e paciente e viralizou no mundo inteiro esta semana, nos emocionando e nos fazendo lembrar da importância de praticarmos mais gestos de empatia, solidariedade e humanidade.


O médico Joseph Varon, que é chefe de equipe do United Memorial Medical Center em Houston, Estados Unidos, estava trabalhando há 256 dias consecutivos quando percebeu que um paciente idoso estava aos prantos tentando sair de seu quarto da unidade de terapia intensiva (UTI) da COVID-19 em um hospital do Texas, conforme entrevista à CNN.




 

“Eu me aproximei dele e perguntei: ‘Por que você está chorando?’, e o homem disse: ‘Eu quero estar com a minha esposa’”, relatou o médico. “Então, eu apenas o peguei, o abracei, não sabia que estava sendo fotografado naquele momento.”


Segundo Dr Varon, o paciente se sentiu melhor e parou de chorar após o consolo, mas a emocionante cena o fez refletir sobre toda a solidão que não só aquele senhor estava sentindo, mas nos milhares de pacientes internado pelo mundo devido ao Covid-19.


“É muito difícil. Você pode imaginar. Você está dentro de um quarto onde as pessoas entram em ‘roupas espaciais’ e você não tem nenhuma comunicação com mais ninguém, somente por telefone, se você tiver sorte. E quando você é idoso, é ainda mais difícil, porque você sente que está sozinho. Você se sente isolado.”




 

 

Entretando, o isolamento do paciente, pode estar próximo de acabar. Segundo Dr. Varon, seu quadro de saúde está melhorando e a equipe médica espera que ele possa ter alta até o final da semana.


Uma foto tão poderosa de cuidado e gentileza, mas uma foto triste também. Que trabalho incrível!






Com informações: CNNVia:Ideias Nutritivas

Imagem de Capa: Instagram Joseph Varon

Advertisement