Médica é flagrada sem máscara atendendo pacientes em unidade de saúde de Goiânia.

- 12:58 PM


 

Uma médica foi flagrada na quinta-feira (11) atendendo pacientes sem usar máscara, na Unidade de Pronto Atendimento do Jardim América, em Goiânia (vídeo acima). A Secretaria de Saúde informou que vai abrir um procedimento para apurar a situação.

As imagens mostram quando a médica aparece no corredor conversando com pacientes e outros funcionários da unidade. Todos usam máscara, exceto ela. Depois, ela entra no consultório e, ainda sem máscara, atende um paciente.


O uso de máscara em locais públicos é obrigatório em Goiânia devido à pandemia de Covid-19. Quem descumprir pode ser multado em R$ 110.


O Conselho Regional de Medicina do Estado de Goiás (Cremego) disse que não foi comunicado sobre o caso, mas ressaltou que "o descumprimento de normas sanitárias pelos profissionais fere o Artigo 21 do Código de Ética Médica - É vedado aos médicos: Deixar de colaborar com as autoridades sanitárias ou infringir a legislação pertinente e está sujeito a sanções".

Segundo o paciente que estava no local e fez as imagens, ele chegou às 10h30 e saiu às 14h30. Durante esse tempo, a médica teria ficado todo tempo sem máscara.

A profissional deixou a unidade às 19h30. Na saída, ela estava usando máscara. Ao ser questionada pela TV Anhanguera sobre o motivo de ter sido flagrada sem usar máscara, ela não quis gravar entrevista.

Íntegra da nota da Secretaria de Saúde de Goiânia

A Secretaria de Saúde de Goiânia esclarece que distribui diariamente os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) a todos os trabalhadores da saúde que são orientados quanto à obrigatoriedade do uso permanente. Quanto à médica em questão, a secretaria informa que serão abertos processos de apuração para emissão posterior de penalidades previstas tanto no estatuto do servidor quanto na Lei Municipal Nº 10545, que obriga o uso de máscara em locais públicos por conta da pandemia.


Médica é flagrada atendendo sem máscara em UPA de Goiânia — Foto: Reprodução/TV Anhanguera




Com informações: G1


Advertisement