‘Tenho mais medo da vida que da morte’: o jovem que sobreviveu após ter 90% do corpo queimado

- 9:48 AM

       Direitos autorais: Nanouk Films/BBC
 

 A história de Aleixo Paz agora virou tema de um documentário. “A única coisa que me conforta é que as pessoas se sentem melhor depois de me conhecer.”

 

“Acordo todos os dias com raiva dentro de mim”, diz Aleixo Paz, um jovem espanhol que aos 8 anos de idade teve 90% do corpo queimado em acidente. Ele estava dormindo no caminhão-tanque de seu pai, cheio de milhares de litros de diesel. O caminhão bateu e o combustível se dispersou. O menino acordou em chamas.


Ele passou muitos anos entre sua casa e o hospital. Dezenas de operações, enxertos de pele, dores, pesadelos e raiva — muita raiva.


Hoje, aos 20 anos, ele diz que a raiva é a “única coisa que o mantém vivo” porque o mantém “fazendo rap e fazendo música”.

Recentemente, foi lançado um documentário sobre sua história, El Niño de Fuego (o menino de fogo, em espanhol), do diretor Ignacio Acconcia. (assista abaixo ao trailer do documentário).

 

“quando se pensa na morte, a vida tem menos encantos, mas é mais pacífica”

A vida é um eterno recomeço…

Fonte: G1










Advertisement